A MAGIA FEMININA AO LONGO DA HISTÓRIA



A Magia Feminina ao longo da História


Normalmente quando falamos de magia, a imagem da mulher já vem a nossa mente, pois durante muito tempo a mulher foi vista como um ser divino … um ser que gera, cria , ama, chora, ri e luta … luta para conseguir fazer a mãe natureza sobreviver … luta para conseguir um espaço no mercado de trabalho , luta para conseguir conciliar trabalho, filhos e marido … Ser mãe e amante … Ser bruxa é isso conseguir trazer a harmonia em meio dessa vida totalmente movimentada da mulher moderna.
Com todo esse movimento a mulher consegue desenvolver a magia de perceber as  estações climáticas do ano, as fases da lua, o movimento das marés e perceber que tudo está relacionado aos ciclos da vida humana, desde o momento da concepção (fase de semear a terra), até a formação de um indivíduo adulto, e posteriormente, sua morte.
Através dessa sensibilidade a Mãe Natureza é feminina é está dentro de cada mulher; ela guia, orienta e ensina. E dessa maneira a magia sobrevive ao longo da historia.
Por exemplo quem nunca tomou chá de camomila pra se acalmar ou fez alguma simpatia que avó ensinou? Ou escolher a melhor fase da lua para cortar o cabelo? A sabedoria popular, que é passada de geração para geração, são conhecimentos femininos que por muito tempo nortearam civilizações.
Durante séculos, no período matriarcal, a mulher foi endeusada, enaltecida e admirada, em virtude de ser sagrado o fato de gerar , reproduzir outro ser , com isso se tornou o pilar de sustentação da casa e a bússola da família. Nesta época o mundo vivia em pleno equilíbrio, todos eram respeitados e tinham valores independentes. Os homens proviam o sustento e a mulher administrava a instituição do lar. Porém com o crescimento dos Impérios masculinos pouco a pouco a mulher foi rebaixada. Foram décadas de humilhação e perseguição.
No entanto, após muitos anos de sofrimento, as mulheres quem têm na alma a essência da vida, lutaram para buscar seu real espaço. Na história da humanidade, em diversas civilizações temos vários exemplos de mulheres que impuseram seus ideais pelo que acreditavam indo contra o sistema que as regiam, enfrentaram tudo e todos para marcar a sua existência, como por exemplo, Cleópatra, Maria de Nazaré, Joana D’Arc, Anita Garibaldi, Princesa Isabel, e nos tempos atuais, Margareth Tatcher, Princesa Diana, e tantas outras que receberam a responsabilidade de ser embaixadoras da paz, cujo único compromisso é dedicar-se a um mundo melhor.
Essas mulheres conseguiram o equilíbrio de sua alma .. e são nosso exemplo para que a mulher de hoje conquiste seu espaço, porém alimente seu lado de docilidade, o lado criativo e intuitivo. Em tempos de globalização, novas tecnologias, aquecimento global, desmatamento onde o ser humano está acabando com o equilíbrio natural da terra, surge a preocupação mundial se ainda é possível ter um planeta melhor, com qualidade de vida. As mulheres têm em sua intimidade a solução para este caos. O resgate à Mãe Natureza é o caminho para a sobrevivência da ração humana e só depende de nós mudar este quadro.
Através da magia e do equilíbrio podemos salvar a mãe natureza, e nesse mês tão especial dedicado a mulher gostaria de deixar algumas magias para esse resgate feminino e intuitivo e doce da mulher.
Beijos Encantados


Tânia Gori

Fonte:https://taniagori.com.br/2015/07/21/a-magia-feminina-ao-longo-da-historia/sagrado-feminino-2/

Postagens mais visitadas deste blog

OS MELHORES BANHOS DE DESCARREGO DA UMBANDA

COMO SABER QUEM É MEU EXÚ OU POMBA GIRA ?

TESTE PARA SABER SE VOCÊ É SENSITIVO