VOCÊ É MÉDIUM ? CONHEÇA OS PRINCIPAIS SINAIS DE MEDIUNIDADE E COMO DOUTRINÁ-LOS

Você é medium? Conheça os principais sinais de mediunidade e como doutriná-los

A mediunidade é um assunto amplamente discutido por leigos e estudiosos. É também algo que divide opiniões tanto no quesito religioso como na questão científica. E se eu falasse para você que todo ser humano, sem exceção, é médium? Isso mesmo! Mediunidade não é um dom, mas uma capacidade pessoal que cada um de nós tem para desenvolver seus sentimentos e sensações. Então respondendo a pergunta do título, sim, você é médium! E também precisa saber identificar o grau desse conhecimento e como doutrina-lo. Entenda.

Em tempos antigos, pessoas com qualquer tipo de desenvolvimento psíquico mais avançado eram tidas como desequilibrados mentais. Hoje em dia isso não mudou tanto, mas o entendimento já permite que se identifique quando alguém possui tal capacidade mais aguçada e pode desenvolvê-la, contribuindo para o espiritismo e outras ideologias similares.

Principais sinais de mediunidade

Apesar de todos termos uma capacidade sensitiva, aqueles que a desenvolvem podem contribuir positivamente para na solução de problemas de origens espirituais, energéticas e materiais. A mediunidade está em todos, mas não é para todos. Apenas algumas pessoas apresentarão a sensibilidade necessária para desenvolvê-la e é, justamente aí, que saber identificar os sinais faz toda diferença.
Entre tais sinais posso destacar:

Intuição abstrata

Chama-se intuição abstrata aquela onde o médium tem conhecimento de fatos sem sequer ter tido um contato prévio com o momento, local ou pessoa. É o que chamamos de “aprendizado natural”, ou seja, quando uma pessoa saber de algo, mas nunca lhe foi ensinado. Isso é confundido em alguns momentos com autodidatas, mas no caso da intuição abstrata, a pessoa não aprende nada sozinha, ela já tem o conhecimento naturalmente.

Intuição pragmática

A intuição pragmática refere-se a memórias que você teve de alguém ou algum lugar sem antes tiver qualquer contato. Em alguns casos você tem a sensação de ter vivido um momento, já ter ido em determinado lugar ou cruzado com alguma pessoa, mas sabe que está fazendo isso pela primeira vez, na verdade. Todo mundo possui esse tipo de sensação, mas são poucos que a identificam como sinal de mediunidade.

Sonhos reveladores

A investigadora Alisson Dubois, do seriado Medium consegue solucionar todos os seus casos através de seus sonhos reveladores. Eles não vêm com uma mensagem clara, mas em formas subliminares que ela precisa identificar e entender. Apesar de ser uma obra de ficção, tais sonhos são de fato reais para pessoas com mediunidade desenvolvida. Os sonhos reveladores ajudam a transformar a vida do médium e de outras pessoas relacionadas em diversos setores.

Vozes e sons de origem desconhecida

Algumas pessoas com mediunidade aguçada conseguem ouvir sons e vozes tão claramente que é como se fossem verdade de fato. Claro que os sons e vozes possuem significados e cabe à sua doutrinação identifica-lo e cuidá-lo como deve.

Se você ainda é um médium sem conhecimento, mas percebeu esses sinais em seus dias com bastante frequência, é importante buscar a doutrinação.

Como doutrinar a sua mediunidade

Para começar a doutrinar a sua mediunidade você precisa, primeiro conhecer o nível em que está. Saber quais são os seus potenciais e como você pode utilizar isso para seu crescimento espiritual e evolução como ser humano. A partir daí, é preciso começar as meditações e reflexões para que haja um relaxamento mais frequente do corpo e você sinta mais a sua mediunidade aflorando.
Paralelo às meditações e momentos de relaxamento, você precisa também começar a mudar seus valores morais. Independente da religião, esse é um presente divino que veio até você como uma forma de ajudar o próximo. Então analise mais seu comportamento sobre as outras pessoas, o seu amor próprio, a paciência, o dom de desapegar-se de coisas que só atrasam, etc.
Não há uma forma única de doutrinar a sua mediunidade. Isso acontece durante toda a sua jornada. A medida que você estuda mais, se conhece mais, percebe como consegue contribuir positivamente com o seu dom para si e para o próximo.

Gostou da dica? Que tal compartilhar nas suas redes sociais para que seus amigos também doutrinem as suas mediunidades?

Fonte:http://www.dhonella.com.br/dhonella/artigos-dhonella/espiritualidade/1194-voce-e-medium-conheca-os-principais-sinais-de-mediunidade-e-como-dountrina-los

Postagens mais visitadas deste blog

TESTE PARA SABER SE VOCÊ É SENSITIVO

COMO SABER QUEM É MEU EXÚ OU POMBA GIRA ?

OS MELHORES BANHOS DE DESCARREGO DA UMBANDA